4003-3219ATENDIMENTO EM TODO BRASIL COM LIGAÇÃO LOCAL - CAPITAIS E REGIÕES METROPOLITANAS
Central de atendimento: (11) 2591-2900 CENTRAL DE ATENDIMENTO.
(11) 94555-0023 WHATSAPP
logo do portal bolsas de estudo

Veja ao lado todas as cidades que oferecemos bolsas de estudo.

Selecione:

Bolonha, na Itália, dá cerveja e sorvete – grátis! – para usuários de bicicleta ou transporte público

Bolonha, na Itália, dá cerveja e sorvete – grátis! – para usuários de bicicleta ou transporte público

magine um lugar onde, se você optar por dar conta de seus compromissos cotidianos de bicicleta ou usando o transporte público, ganha – grátis – cerveja ou sorvete?

Tá....Harry Potter saiu de Hogwarts e veio aportar exatamente aqui nesta conversa?

Nada disso!

É verdade!

E está acontecendo em Bolonha, no norte da Itália.

Para conter a poluição – provocada pela emissão de gases causadores do efeito estufa que têm cada vez mais impulsionado o aquecimento do planeta – a cidade criou um sistema de recompensa, como já te contamos, para os cidadãos que usam bicicleta ou transporte público.

O sucesso da empreitada animou os envolvidos com o projeto. Marco Amadori, urbanista que lançou a ideia no ano passado (com o objetivo de tornar transportes ecologicamente sustentáveis mais atraentes) não esconde sua satisfação: "Pela primeira vez fomos capazes de envolver todo mundo. Todos têm a possibilidade de trocar uma viagem de carro por uma de bicicleta ou ônibus e receber uma recompensa".

Mas como é que isso funciona?

Bom, para você que já foi checar onde está seu passaporte, já “pôs a bicicleta debaixo do braço” e já está pensando em como fazer para adquirir a cidadania italiana, aí vai a explicação: o sistema – em verdade – é bem simples. O usuário baixa o aplicativo, registra as viagens que faz em transporte público ou de bicicleta e, em seguida, troca os pontos por produtos nos estabelecimentos que aderiram ao programa.

Ah, mas e os espertinhos de plantão?

Para eles, um aviso: o aplicativo detecta trapaças. Um sistema GPS rastreia a velocidade e a duração da viagem para conferir se estão de acordo com os selecionados no aplicativo.

O sistema não recompensa a distância percorrida, mas sim a assiduidade do uso, logo, os pontos são obtidos por viagem (e não por quilometragem) para estimular que os participantes usem – o maior número de vezes possível – o meio de transporte mais limpo.

Fala sério, andar de bicicleta nunca foi tão recompensador, hein?

Ah, uma última pergunta...dá para saber se, depois do exercício para as “pernócas”, o intento – além dos brindes – foi alcançado?

Dá!

Ao final do trajeto, o aplicativo mostra o quanto de CO2 (dióxido de carbono) - um dos gases causadores do aquecimento global - deixou de ser emitido por aqueles que escolheram o meio alternativo de locomoção.

O nome do aplicativo?

Não poderia ser mais apropriado....Bella Mossa...ou...bom trabalho!

Então? Partiu, Bolonha?

Chora, Harry Potter!

 

[Fonte: G1 // Natureza]